Sunday, August 9, 2009

Afinal o CS-DDT voa!


Há algum tempo atrás referia neste blog que um determinado avião, o CS-DDT, um Socata TB-10 Tobago pertença do AeroVip ao serviço da Leávia, tratou de ficar INOP no dia do meu voo de estreia neste modelo. Pois é mas não tardou a que eu e o Delta Tango no encontrasse-mos de novo. Ontem foi o dia! Ao início da tarde lá me fiz ao caminho com direcção ao Aeródromo de Tires já sem muita esperança de voar, pois estamos em Agosto e o vento a aumentar de intensidade com o passar do dia. Mas estava enganado e nem mesmo o facto de Lisboa não aceitar tráfego de instrução para o VOR ESP, no Espichel impediu o meu voo de se realizar. Em alternativa fomos para o Cabo Raso fazer circuitos de espera DME.

Apesar das semelhanças exteriores e mesmo interiores com os Socata TB-9 Tampico da Leávia, alguns comandos estão colocados em locais diferentes, como por exemplo o selector de tanque de combustível, em vez dos dois rádios tradicionais passamos a dispor de uma plataforma Garmin 430 com um rádio e um VOR integrado, que lembra em parte os GPS dos carros e ao mesmo tempo adiciona algum "glass" ao nosso cockpit. O Garmin 430 é uma plataforma muito user friendly mas confesso que algumas manhas aprendi-as no FSim. De realçar também é o facto desta aeronave já ser equipada com hélice de passo variável eleva em mais um nível a complexidade de aeronaves voadas.

Durante todo o vôo a aeronave portou-se lindamente ajudando-me a manter um nível de precisão na execução da espera bastante bom, ainda por cima para um dia ventoso como estava.

Deste vôo faço um balanço muito positivo tanto em termos do meu desempenho na matéria abordada como na operação com o Delta Tango.

Ah! Antes que me esqueça, os bancos mais grosso e largos a juntar ao forro da estrutura e portas torna o vôo sgnificativamente mais confortavel e silencioso.


No comments: